Setor de fitness projeta crescimento de 15% ao ano



As novidades do setor de fitness, que movimenta por ano R$ 2 bilhões no País, levaram mais de oito mil pessoas ao Centro de Convenções de Curitiba, entre os dia 30 de maio e 2 de junho. O espaço foi sede da Feira de Esporte & Fitness, onde os visitantes puderam conferir as novidades em equipamentos para ginástica e musculação, roupas e acessórios fitness. 40 expositores fizeram parte da mostra.
De acordo com os organizadores da feira, a mostra foi realizada em um cenário otimista, com perspectiva de um crescimento de 15% ao ano. Segundo relatório da Relatório da IHRSA (International Health Racquet & Sportsclub Association), publicado em agosto de 2012, o Brasil é o segundo maior mercado em número de academias no mundo, com cerca de 25 mil unidades. No Paraná são duas mil academias.


Além dos equipamentos para musculação, roupas e acessórios, suplementos alimentares, livros, softwares, móveis e serviços para empresas fizeram parte da mostra. "A feira tem o propósito comercial atendendo desde pessoas físicas, academias, escolas, clínicas de reabilitação e até mesmo construtoras que pretendem criar áreas fitness em condomínios e prédios", destacou João Batista, diretor da Korppus, promotora do evento.
Novidades — Dez mil passos por dia ou aproximadamente oito quilômetros. Essa é a recomendação dos médicos para manter uma vida saudável e fugir do sedentarismo, condição em que o gasto energético de uma pessoa é inferior a duas mil calorias por semana. Para quem não pratica exercícios, atingir essa meta pode parecer um pouco difícil. Porém, atividades simples do dia a dia como subir escadas, andar a pé e até varrer a casa são grandes aliadas.  


E artifícios para ajudar nesse controle não faltam. Um bom exemplo é o pedômetro, um aparelho que mede o deslocamento do corpo em passos e permite à pessoa ter um controle do rendimento da sua atividade. Comercializado pela Cardiomed, o equipamento foi um dos destaques da feira.
O funcionamento se dá basicamente pela contagem dos passos a partir da medição do deslocamento de eixo do corpo. Alguns aparelhos, mais tecnológicos, permitem também a contagem de qualquer movimento corporal como pular corda, por exemplo.