Jump fit: ginástica contra celulite



O jump fit tem tudo para ser a sensação nas academias de todo o país. Além de ser uma aula divertida e relaxante (os exercícios aeróbicos são praticados sobre um minitrampolim elástico individual), promete, entre outros efeitos, pôr fim na celulite. Isso porque o movimento de vaivém sobre o trampolim individual promove uma espécie de drenagem linfática nas pernas e no bumbum.


"Com a contração periférica nos músculos dos membros inferiores, a circulação é estimulada e, com isso, ocorre a troca de nutrientes e a excreção de substâncias nocivas responsáveis pelo aparecimento da celulite", explica a professora de educação física paulista Cida Conti, criadora da aula.

Redução das calorias
Não bastasse conquistar uma pele mais lisinha e livre dos temidos furinhos tipo casca de laranja, o praticante do jump fit emagrece. Durante os 45 minutos são queimadas cerca de 500 calorias.

Os saltos constantes também fortalecem os tecidos ósseos (combatendo a osteoporose) e a musculatura das pernas, sem nenhum tipo de impacto. Portanto, segundo Cida, o jump fit pode ser feito por pessoas de todas as idades e em qualquer nível de condicionamento físico.